SOBRE


 

A ARTE DE FAZER O QUE SE GOSTA.


Edson Suemitsu

Nascido na cidade de Bandeirantes (PR), é nissei da sétima geração de famílias samurai (maternalmente e paternalmente). Viveu sua infância e adolescência em Jacarezinho (PR) e atualmente reside em Curitiba (PR). Desde garoto sempre gostou de trabalhos que focavam uso de metal, tendo se aprofundado na mecânica. Por volta de seus 29 anos ele começou a estudar por conta a arte da fabricação de espadas japonesas e algum tempo depois fez sua primeira espada, a pedido de um de seus irmãos. Praticante de Ki-Aikido, ele vem estudando artes marciais e a cutelaria oriental como forma de manter a tradição cultural e honrar os antepassados. Cada peça produzida é única, cada uma com sua própria energia, pois o Kaji Suemitsu emprega na produção de suas katanas muita espiritualidade para que a peça traga boas energias para seu proprietário. O trabalho do Katana Kaji Edson Suemitsu é feito de maneira artesanal e diferenciada, como uma evolução da tradicional forja japonesa. Com uma lâmina de maior resistência, flexibilidade e maior poder de corte, é uma opção garantida de qualidade para os amantes das artes marciais.

Linhagem da forja de Edson Suemitsu

  • 1543

    Yaita Kimbee Kiyosada, antepassado por linhagem materna, foi um Katana-Kaji que se tornou conhecido por forjar o primeiro mosquete japonês. Os detalhes de como produzir um mosquete funcional foram revelados após Yaita oferecer a mão de sua filha (Wakasa) em casamento. Fernão Mendes, o forjador português que possuía o conhecimento para forjar um mosquete funcional, casou-se com Wakasa, numa manobra de Yaita para evitar que Mendes embarcasse de volta para Portugal. Devido a aproximação a nível familiar, Yaita absorveu os conhecimetos de forja de Mendes, sendo assim lhe revelado o segredo da bala.
  • 1392-1573

    Houveram também antigos forjadores da linhagem Suemitsu (末光), parte paterna. Eles mantiveram-se ativos na atividade de Katana-Kaji durante o Período Muromachi (1392-1573), subdividido entre os períodos de reunificação (1392-1466) e o período Sengoku, de guerras internas (1467-1573). Segue alguns dados sobre eles:
  • 1394-1428

    Bishū Osafune Suemitsu  Assinatura: 備州長船末光 Período: Reunificação (南北朝合一後) Atividade: Era Oei (応永) (1394-1428) Província: Bizen (備前国) Bizen foi dominada pelo clã Akamatsu de Mimasaka, mas no Período Sengoku o clã Urakami se tornou dominante, instalando-se na cidade de Okayama, sendo posteriormente suplantados pelo clã Ukita. Após Tokugawa Ieyasu a vencer a Batalha de Sekigahara sobre Ukita e outros, ele recebeu os domínios de Ukita em Bizen e Mimasaka.
  • 1394-1428

    Bisū-jū Suemitsu Assinatura: 備州住末光 Período: Reunificação (南北朝合一後) Atividade: Era Oei (応永) (1394-1428) Província: Bingo (備後国) Bingo era parte dos domínios do clã Mori, mas após a Batalha de Sekigahara, Tokugawa Ieyasu a repassou a aliados. Um ponto notável da província é o Castelo de Fukuyama, que era o castelo do território Bingo-Fukuyama durante o Período Edo.
  • 1394-1428

    Sekishū Izuha-jū Suemitsu Assinatura: 石州出羽住末光 Período: Reunificação (南北朝合一後) Atividade: Era Oei (応永) (1394-1428) Província: Iwami (石見国)
  • 1444-1449

    Nōshū-jū Suemitsu Assinatura: 美濃國住人末光 (mino kuni junin suemitsu) / 濃州住末光 Período: Reunificação (南北朝合一後) Atividade: Era Bunan (文安) (1444-1449) Província: Mino (美濃国) Mino foi uma das províncias originalmente controladas por Oda Nobunaga. Seus herdeiros continuaram a controlar a província mesmo depois que Nobunaga morreu. A Batalha de Sekigahara aconteceu na fronteira oeste de Mino, perto das montanhas entre as regiões de Chūbu e Kinki.
  • 1558-1570

    Gūshū-jū Suemitsu Assinatura: 隅州住末光 Período: Sengoku (戦国時代) Atividade: Era Eiroku (永禄) (1558-1570) Província: Osumi (大隅国) A região de Ōsumi desenvolveu o seu próprio dialeto. Embora Ōsumi seja parte da atual prefeitura de Kagoshima, seu dialeto era diferente do falado hoje na cidade de Kagoshima. Há um notável orgulho cultural na poesia escrita nos dialetos de Ōsumi e Kagoshima.

Certificados